Luta, substantivo feminino

LUTA, substantivo feminino. Às que foram, às vieram, às que virão.

Não podemos NUNCA esquecer as inúmeras MULHERES que morreram e/ou foram presas e torturadas durante a ditadura militar!

“A história da repressão durante a ditadura militar e assim
como a oposição a ela é uma história masculina, assim como toda a
história política, basta que olhemos a literatura existente sobre o
período. As relações de gênero estão aí excluídas, apesar de
sabermos que tantas mulheres, juntamente com os homens, lutaram
pela redemocratização do país.”

À todas elas, e à muitas outras anonimas ou não, que sua memória seja preservada hoje e sempre:

Labibe Elias Abduch (1899-1964)
Catarina Helena Abi-Eçab (1947-1968)
Alceri Maria Gomes da Silva (1943-1970)
Marilena Villas Boas Pinto (1948-1971)
Heleny Ferreira Telles Guariba (1941-1971)
Iara Iavelberg (1944-1971)


Nilda Carvalho Cunha (1954-1971)
Gastone Lúcia de Carvalho Beltrão (1950-1972)
Ísis Dias de Oliveira (1941-1972)
Miriam Lopes Verbena (1946-1972)
Lígia Maria Salgado Nóbrega (1947-1972)
Maria Regina Lobo Leite de Figueiredo (1938-1972)
Ana Maria Nacinovic Corrêa (1947-1972)
Esmeraldina Carvalho Cunha (1922-1972)
Aurora Maria Nascimento Furtado (1946-1972)
Lourdes Maria Wanderley Pontes (1943-1972)
Soledad Barrett Viedma (1945-1973)
Pauline Philipe Reichstul (1947-1973)
Anatália de Souza Melo Alves (1945-1973)
Maria Augusta Thomaz (1947-1973)
Ranúsia Alves Rodrigues (1945-1973)
Sônia Maria de Moraes Angel Jones (1946-1973)
Maria Lúcia Petit da Silva (1950-1972)
Helenira Resende de Souza Nazareth (1944-1972)
Lúcia Maria de Souza (1944-1973)
Jana Moroni Barroso (1948-1974)
Maria Célia Corrêa (1945-1974)
Dinaelza Santana Coqueiro (1949-1974)
Luiza Augusta Garlippe (1941-1974)
Áurea Eliza Pereira (1950-1974)
Dinalva Oliveira Teixeira (1945-1974)
Suely Yumiko Kanayama (1948-1974)
Telma Regina Cordeiro Corrêa (1947-1974)
Walquíria Afonso Costa (1947-1974)
Ieda Santos Delgado (1945-1974)
Ana Rosa Kucinski Silva (1942-1974)
Jane Vanini (1945-1974)
Neide Alves dos Santos (1944-1976)
Zuleika Angel Jones (1923-1976)
Maria Auxiliadora Lara Barcellos (1945-1976)
Therezinha Viana de Assis (1941-1978)
Mónica Susana Pinus de Binstock (1953-1980)
Liliana Inés Goldemberg (1953-1980)
Lyda Monteiro da Silva (1920-1980)
Solange Lourenço Gomes (1947-1982)

Todas, PRSENTE, HOJE E SEMPRE!

E às sobreviventes, à todas as lutadoras de ontem e de hoje:

Rose Nogueira
Izabel Fávero
Maria Diva de Faria
Dulce Chaves Pandolfi
Maria Luiza Flores da Cunha Bierrenbach 69
Dulce Maia
Hecilda Fontelles Veiga 76
Marise Egger-Moellwald
Lilian Celiberti
Yara Spadini
Maria do Socorro Diógenes
Inês Etienne Romeu
Ignez Maria Raminger
Lenira Machado Dantas
Damaris Lucena
Jessie Jane
Dilea Frate
Elza Lobo
Áurea Moretti
Eleonora Menicucci de Oliveira
Cecília Coimbra
Lúcia Coelho
Maria Amélia de Almeida Teles
Lylia Guedes
Rioko Kayano
Darcy Andozia
Gilse Cosenza

Por todas as mulheres lutadoras, hoje e sempre!

http://www.marxists.org/portugues/tematica/livros/luta/livromulheres.pdf

 

 

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta